• qua. jun 19th, 2024
94 hqdefault

O que é a SÍNDROME PÓS-COVID-19? – Hoje a gente vai falar sobre síndrome pós-COVID. O meu nome é Tatiana Zanin… E eu sou o Manuel Reis. Então me explica o que é que é a síndrome pós-COVID Manuel. Então a síndrome pós-COVID é algo que surge depois que eu já tive COVID, estou curado e apresento sintomas como por exemplo, cansaço excessivo, dificuldade para dormir, dor crônica, uma dor que não passa… Estou com dificuldade para respirar, com ansiedade, com sintomas de depressão…

Resumo da Materia:

O que é a SÍNDROME PÓS-COVID-19?

Certo. Isso caracterizam uma possível síndrome pós-COVID. Você disse possível porque, pelo que a gente conversou antes de gravar, é uma teoria, não é não? Exatamente.

No momento que a gente está gravando isso, não existe confirmação de que realmente essa síndrome existe. Mas porquê que a teoria existe?

Porque outras doenças, semelhantes com a SARS Cov 2 ou com o Coronavírus de agora, provocaram essa síndrome. No caso a SARS, que é o primo mais direto que a gente tem do Coronavírus atual. Por exemplo, esse era o SARS Cov 1 e agora a gente tem o SARS Cov 2.

E no caso do SARS Cov 1, depois da infecção as pessoas desenvolviam sintomas, semelhantes a esses que você falou… Exatamente. E é por isso que se pressupõe que esses sintomas de pessoas que reclamam depois de ter o COVID, a COVID… Ou seja, depois de dar o resultado negativo da COVID, tem sintomas… Exatamente.

Que não podem ser ligados ao Coronavírus porque elas já não têm o Coronavírus. Não tem vírus nenhum no corpo. Mas tem os sintomas… E isso… E o que acontece? Porquê que isso acontece? Esses sintomas depois…

Não tem bicho nenhum lá dentro. Então a explicação mais forte que existe… Porque também ainda não se tem a certeza porquê que isso acontece, é que: O nosso corpo produz substâncias inflamatórias para lutar contra o vírus. Certo. Que são as citocinas. Certo. Essas citocinas são produzidas em grande número porque o vírus é…

É um vírus sério, que ataca o corpo e tem que ser combatido rápido. Então libera muito dessas substâncias o nosso organismo. Quando isso acontece, as substâncias ficam espalhadas por todo o corpo, há uma tempestade de citocinas, que é como é descrita esse efeito. E o que é que pode acontecer? Essas substâncias podem acabar se acumulando no sistema nervoso central.

Na região do cérebro, na medula espinhal… É o que causa os tais sintomas, em relação à depressão… Daí que a gente tenha sintomas relacionados com o nosso sistema nervoso. Entendi. E agora me conta, qual é a sua teoria para que essa síndrome pós-COVID tenha menos impacto ou seja menos intensa. Esses sintomas incomodem menos o indivíduo que teve a COVID, que já sofreu com isso…

Não é que seja uma teoria minha porque ela já existe, há pessoas que estão desconfiando dessa síndrome e já estão supondo este tratamento, que é fazer drenagem linfática, a massagem de drenagem linfática.

Muito legal! Porquê? O que acontece é que quando a gente faz uma massagem de drenagem linfática, a gente está expulsando ou está ajudando o sistema linfático a trabalhar melhor e a expulsar as toxinas que estão presentes no corpo e todas aquelas substâncias que já não estamos utilizando. Muito legal…

Então se o nosso corpo já não utilizando essas citocinas porque já não tem o vírus para combater, provavelmente uma massagem linfática vai ajudar a eliminar mais rapidamente essas substâncias que estão se acumulando e provocando os sintomas. Ah, ótimo! Mas é uma ótima notícia para quem está sofrendo isso e não sabe o que fazer… Exato. E está sofrendo com isso. Muito legal! Mas se tiver outros sintomas, por exemplo ansiedade, depressão…

Tudo isso tem que ser muito bem avaliado pelo médico porque pode precisar de outro tipo de tratamento. Claro… Alguns medicamentos específicos. E não será só a massagem linfática mas a massagem linfática… Ajuda a mandar embora a porcaria não é? Ajuda no tratamento, exatamente. Toxinas e coisas assim… E até se for confirmada essa síndrome e se realmente se confirmar que o tratamento ajuda com a massagem, poderá ser uma forma de prevenir.

Por exemplo, eu sei que tive um caso leve… Vou logo fazer…

Não precisei fazer um tratamento específico para a COVID mas se calhar eu posso fazer umas sessões de massagem linfática logo a seguir. Você faz massagens linfáticas Manuel?

De vez em quando… Ótimo! Todo mundo que teve COVID vai ter síndrome pós-COVID? Não. Primeiro porque ainda não está confirmada. E depois porque o que se acha é que quem tem maior risco são pessoas que tiveram sintomas leves.

Numa mesma família eu posso ter as pessoas… Algumas pessoas que depois de ter a mesma doença se sentem mais melindrosos. E pessoas da mesma família, um irmão que está tudo bem. Teve a doença mas está tudo bem. Tudo bem.

Ou seja, não é mentira, a pessoa está sofrendo de verdade, é uma síndrome pós-COVID. E não é todo o mundo que tem e graças a Deus, não é? É… E agora, quem não quiser ter…

É quase isso né? Uma massagenzinha! O melhor é nem ter COVID! Nem ter COVID. E para isso é máscara, proteção dos perdigotos não é não? Lavar bem as mãos… Distanciamento social… E tudo isso! Legal, obrigada! Foi um prazer, foi ótimo! Qualquer outra dúvida… Estou esclarecidíssima sobre a síndrome pós-COVID mas pergunta aí que o Manuel gosta de falar. Deixa nos comentários que a gente vai responder!

O que é a SÍNDROME PÓS-COVID-19?

4.8/5 - (292 votes)